DANCINHA

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Inglaterra suspeita de compra de árbitros pela Espanha na Copa


Londres, 16 mai (EFE).- Espanha e Rússia buscam um acordo para subornar árbitros durante a Copa da África do Sul, segundo teria afirmado o presidente da federação inglesa (FA), David Triesman, em uma gravação obtida pelo jornal "The Mail on Sunday".

O jornal publica o conteúdo de uma fita de uma hora de duração, gravada ocultamente por uma ex-amante e ajudante de Triesman. A veracidade do áudio ainda não foi confirmada pela FA.

Na gravação, é possível ouvir Triesman sugerir que a Espanha teria oferecido abrir mão da candidatura para receber a Copa de 2018 em troca de que a Rússia, que também tenta ser sede do Mundial, lhe ajude a comprar árbitros na África do Sul.

"Há algumas evidências de que as autoridades do futebol espanhol estão tentando identificar os árbitros (...) e pagar a eles", afirma o chefe da FA, que explica o suposto acordo com a Rússia ao falar das chances da Inglaterra de ser sede em 2018.

Segundo ele, se a Espanha abrir mão da disputa por 2018, "por estar buscando ajuda dos russos para subornar árbitros do Mundial", seus votos iriam para a própria Rússia.

Nesse ponto, Melissa Jacobs, que estava com Triesman, pergunta se a Rússia ajudaria a Espanha com isso. "Acho que a Rússia chegaria a um acordo", afirma o presidente da FA.

O "Mail on Sunday" diz que a federação inglesa tentou, poucas horas antes da divulgação, que a Justiça apreendesse a gravação.

A "BBC" informa que, no entanto, a FA já enviou cartas de desculpas às federações espanhola e russa, assim como ao presidente da Fifa, Joseph Blatter.

Nenhum comentário:

Postar um comentário