DANCINHA

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Cultivo transgênico avança


O Brasil ultrapassou a Argentina e se tornou o segundo maior produtor mundial de transgênicos, atrás apenas dos Estados Unidos. Em 2009, o país cultivou 21,4 milhões de hectares de grãos geneticamente modificados, crescimento de 35,4%. É a maior expansão entre os 25 países produtores de OGMs, aponta o ranking anual do Serviço Internacional para Aquisição de Aplicações em Agrobiotecnologia, divulgado ontem.

O crescimento da lavoura de transgênicos foi encabeçado pelo milho. No ano passado, o Brasil plantou 5 milhões de hectares, sendo que a expansão da área cultivada foi de 3,7 milhões de hectares. A diretora executiva do Conselho de Informações sobre Biotecnologia (CIB), Alda Lerayer, estima que, até 2011, a área plantada com milho geneticamente modificado deva representar entre 60% e 70% do total cultivado no país. Além do milho, o Brasil semeou 16,2 milhões de hectares de soja e 145 mil hectares de algodão alterados geneticamente. Juntas, as três lavouras representam 16% dos 134 milhões de hectares cultivados com transgênicos em todo o mundo.

Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário