DANCINHA

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Desemprego no Brasil tem menor julho desde 2002



RIO DE JANEIRO, 25 de agosto (Reuters)

O desemprego brasileiro diminuiu em julho, registrando a menor taxa para esse mês desde o início da série histórica, em 2002.


A taxa ficou em 6 por cento em julho, ante 6,2 por cento em junho, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira.

Foi também a menor taxa mensal desde dezembro.

Economistas consultados pela Reuters projetavam estabilidade em 6,2 por cento.

O número de trabalhadores ocupados em julho totalizou 22,476 milhões de pessoas, alta de 0,4 por cento sobre junho e de 2,1 por cento ante julho de 2010.

Os desocupados somaram 1,444 milhão de pessoas, queda mês a mês de 2,1 por cento e recuo anual de 12,1 por cento.

O rendimento médio real do trabalhador ficou em 1.612,90 reais, maior valor para um mês de julho desde 2002, registrando alta de 2,2 por cento contra junho e de 4 por cento ano a ano.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)

Nenhum comentário:

Postar um comentário