DANCINHA

terça-feira, 22 de março de 2011

PSD, O "NOVO" PARTIDO



O Prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, lançou oficialmente ontem seu novo partido, o PSD (Partido Social Democrático).

Ele declarou, no lançamento, que seu partido não será de direita nem de esquerda e apoiará a Presidenta Dilma e o Governador Alckmin, de São Paulo.

Kassab disse também querer contar, no seu novíssimo partido, com Kátia Abreu (também conhecida como Kátia Motosserra) e com Índio da Costa (candidato a Vice na chapa de Serra na última eleição).

Abaixo estão os três principais pontos do Estatuto do PSD:


Como todos sabem, e eu captei na Wikipedia, o existencialismo foi inspirado nas obras de Arthur Schopenhauer, Søren Kierkegaard, Fiódor Dostoiévski e nos filósofos alemães Friedrich Nietzsche, Edmund Husserl e Martin Heidegger, e foi particularmente popularizado em meados do século XX pelas obras do escritor e filósofo francês Jean-Paul Sartre e de sua companheira, a escritora e filósofa Simone de Beauvoir. Os mais importantes princípios do movimento são expostos no livro de Sartre "L'Existentialisme est un humanisme" ("O existencialismo é um humanismo"). O termo existencialismo foi adotado apesar de existência filosófica ter sido usado inicialmente por Karl Jaspers, da mesma tradição.

Ou seja, finalmente teremos um partido que tem como um dos três principais objetivos fazer essa importante transição, do existencialismo para o pós-existencialismo.

Tudo a ver com os dois outros pontos principais do seu Estatuto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário