DANCINHA

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Cerveja pode ajudar a fortalecer os ossos


O consumo moderado de alguns tipos de cerveja pode ajudar a fortalecer os ossos, segundo um estudo americano publicado pela revista especializada Journal of the Science of Food and Agriculture.

Segundo pesquisadores da Universidade da Califórnia, a cerveja seria uma fonte importante de silício, componente da dieta que contribui para melhorar a densidade óssea.

Pesquisas mais antigas já indicavam a importância do silício para o crescimento e o desenvolvimento dos ossos.

Apesar disso, alguns nutricionistas advertem que os possíveis benefícios da cerveja podem ser cancelados pelo consumo excessivo de álcool, já que a ingestão de mais de duas unidades de álcool por dia aumenta o risco de fraturas dos ossos.

O estudo do Departamento de Ciência dos Alimentos da Universidade da Califórnia analisou cem marcas de cervejas comerciais e verificou que elas tinham uma quantidade de silício entre 6,4 miligramas por litro e 56,5 miligramas por litro.

Não existem recomendações mínimas para o consumo de silício, já que, segundo o Departamento de Agricultura do governo americano, o consumo do mineral não é considerado essencial.

Grão da cevada

Segundo os cientistas da Universidade da Califórnia, o silício é encontrado no grão da cevada utilizado para a fabricação do malte da cerveja e também, em menor quantidade, no lúpulo.

O estudo indicou que as cervejas com as maiores quantidades de silício são as ales (cervejas de fermentação a temperaturas mais altas) claras e as lagers (com baixa fermentação ou fermentação a frio).

Nas cervejas escuras, o processo de torração dos grãos de cevada reduziria a quantidade de silício.

As cervejas feitas com trigo, segundo os pesquisadores, teriam uma quantidade pequena de silício.

Os pesquisadores disseram que os resultados da pesquisa mostram que o consumo moderado de cerveja pode ajudar a combater a osteoporose, doença que provoca a deterioração da densidade dos ossos ao longo do tempo e favorece a ocorrência de fraturas.
...
Nota do Blog: O resto da reportagem é só bobagem, porém se você fizer questão de ler tudo, clique AQUI.

2 comentários:

  1. Silício??? Tá bom. Mas as cervejas Alle também tem uma graduação alcoólica maior. Dependendo da quantidade ingerida aumenta a possibilidade de tombos. Num tombo a gente pode mesmo quebrar um osso. Mesmo assim, parece que silício e álcool combinam, diferentemente de alcool e direção. Parece uma equação interessante.

    ResponderExcluir
  2. Caro Müller,
    Essa "pesquisa" foi financiada por uma indústria de cerveja. Então...
    De fato foi somente uma brincadeira minha com amigos cervejeiros.
    Espero não estimular nenhum(a) gaiato(a) a dirigir alcoolizado(a) ou ingerir alcool a ponto de prejudicar a saúde.
    Abraço

    ResponderExcluir